Dicas úteis

Olympus E-520

Olympus E-520

CARACTERÍSTICAS

MATRIZ: 10,0 Mp, 3648x2736, 17,3x13,0 mm

LENTE: Padrão 4/3. Lente padrão ZD ED 50-200 / 2,8-3,5 SWD (100-400 eq. Mm) e outras lentes 4/3

MEMÓRIA: cartões de memória xD ou CF

FOTO: RAW; JPEG; RAW + JPEG

INTERFACE: USB, saída de vídeo

DIMENSÕES: 136x92x68 mm

Já se passaram muitos anos desde que a Olympus lançou a primeira câmera DSLR padrão 4/3 - projetada do zero, não baseada em DSLRs de filme. O tempo voa e a E-520 é a décima câmera Olympus 4/3. Ao contrário de muitas outras DSLRs na linha E, o E-520 não é um desenvolvimento revolucionário, mas sim uma atualização do E-510 anterior. Por outro lado, você pode considerar o E-520 como um modelo mais antigo em relação ao E-420 - ele é maior e está equipado com um estabilizador óptico.

PROJETO

A câmera é leve, embora não faça parte da linha "miniatura" E-4xx. Com lentes de kit pequenas, é perfeitamente possível fotografar com uma só mão. A propósito, a alça é muito ergonômica. Os desenvolvedores da Olympus conseguem fazer câmeras relativamente pequenas confortáveis ​​para fotógrafos com mãos masculinas normais.

Quando a câmera é ligada, um filtro ultrassônico para limpeza da matriz é acionado, leva cerca de um segundo.

AO CONTROLE

Botões dedicados estão disponíveis para as seguintes funções: ISO, modo AF, ponto AF, balanço de branco, tipo de medição, estabilizador, Live View, bloqueio de exposição, modo de obturador, modo de flash e compensação de exposição. Muito bom para uma caixa relativamente pequena. Há também um botão Fn reatribuível; existem poucas funções, mas elas complementam bem as listadas acima - profundidade de visualização do campo, configuração do WB de acordo com a amostra, AF / MF (foco automático / manual) ou chave RAW / JPEG. Em geral, não há pequenas coisas suficientes - a segunda roda de controle (na frente) e o indicador LCD de status no painel superior.

Os parâmetros podem ser alterados tanto usando os botões dedicados quanto na tela, no modo de painel de informações ativo - também é uma opção bastante rápida e conveniente (aliás, a reprodução de cores do monitor é ajustada). Finalmente, você pode ir mais fundo no menu “em uma palestra”, mas existem principalmente configurações básicas, então, tendo configurado a câmera uma vez, você pode se concentrar em fotografar - o menu nem sempre é necessário.

LIGAR

A alavanca de alimentação da câmera está localizada sob o seletor de modo e é inconveniente acessá-la. Suspeito que isso foi feito de propósito para não ligar (muito menos desligar) a alimentação da câmera inadvertidamente.

MONITOR

Durante a filmagem, o monitor pode operar no modo Super Painel de Controle. Quase todos os parâmetros de disparo necessários são alterados diretamente na tela; ou pressionando o botão, você pode se encontrar no local correspondente no menu.

INSTANTÂNEO

O flash é usado não apenas para o fim a que se destina, mas também para controle sem fio de flashes externos e para iluminação de foco automático com impulsos estroboscópicos curtos (aliás, isso não significa que o flash deve disparar).

MODOS E FUNÇÕES

Claro, há um conjunto de modos de exposição PASM, bem como um modo AUTO e 20 programas de cena. Além dos três tipos usuais de medição, existem dois peculiares (embora para

Olympus DSLRs já são típicos) - ponto com transmissão prioritária de sombras ou áreas brilhantes.

Outra função de faixa dinâmica, SAT (Shadow Adjustment Technology), é útil em iluminação de alto contraste.

Claro, existe o bracketing de exposição (três quadros), bem como o bracketing para WB e potência do flash.

O foco automático do espelho é rápido, embora tenha apenas três pontos, dos quais apenas um é uma cruz. O disparo contínuo é realizado a uma boa (embora não brilhante) velocidade de 3,5 fps, a duração da sequência é de 8 quadros RAW ou mais de 20 JPEG.

O estabilizador pode funcionar em três modos: normal em dois eixos, para fiação horizontal e para fiação vertical. A última opção pode causar confusão, mas aqui queremos dizer não apenas (e não tanto) rastreamento de um objeto em movimento vertical como a fiação horizontal usual, simplesmente com uma composição de quadro vertical.

Entre outras funções, destacamos o processamento na câmera de arquivos RAW, bem como um retardo ajustável para levantar o espelho (útil ao fotografar com um tripé).

Outro recurso útil é o mapeamento de pixels. As matrizes de câmeras digitais contêm milhões de elementos e, muitas vezes, alguns deles não funcionam, e o número de tais defeitos pode aumentar com o tempo.Eles aparecem como pontos brilhantes (ou mesmo brancos) na imagem. Eles podem ser eliminados, mascarados por software, mas a maioria dos fabricantes força você a enviar uma câmera para consertar isso, enquanto os usuários de câmeras Olympus podem fazer isso sozinhos.

VISUALIZAÇÃO AO VIVO

Em Live View, três opções de foco automático estão disponíveis - usando sensores AF convencionais e aplausos de espelho (Sensor AF), contraste AF baseado no sinal do sensor (Imager AF, como em compactos) e uma opção híbrida que combina os dois métodos.

Com o AF de contraste, você pode selecionar uma das 11 áreas de AF e até mesmo ativar a detecção de rosto (que pode ser útil se você estiver pedindo uma chaleira cheia para tirar seu retrato).

No modo AF "híbrido", o foco aproximado é calculado de forma contrastante quando você pressiona o botão do obturador até a metade, e o sensor principal é conectado quando você pressiona o botão. Com três lentes (Zuiko Digital ED 14-42 / 3.5-5.6, ED 40-150 / 4-5.6 e 25 / 2.8) o dispositivo pode funcionar “puramente em contraste”, com outras lentes é a versão híbrida que é ativada. Observe que, neste caso, o ponto de foco só pode ser selecionado entre os três usuais, não 11. Embora a Visualização ao vivo seja bastante avançada, o foco automático não é tão rápido quanto no Modo A na E-330 (onde havia um adicional da matriz). Portanto, a Visualização ao Vivo continua sendo um modo de disparo agradável para foco manual. A E-520 não tem uma tela giratória, mas ainda em Live View você pode fotografar de baixo ou de cima - já que o monitor é claramente visível de um ângulo amplo.

No modo Live View, você pode exibir um histograma ou uma grade, a configuração ISO, WB e, em geral, todo o "super painel de controle" (ele só aparece em uma forma translúcida) funciona. Você pode ativar a ampliação de 7 ou 10 vezes. Também no modo Live View, você pode ver o trabalho do estabilizador.

QUALIDADE DA IMAGEM

As fotos às vezes parecem um pouco subexpostas - aparentemente, do desejo da câmera de evitar a superexposição. A reprodução de cores está correta (no entanto, observe que na maioria dos programas de cena, o aumento da saturação é ativado). A nitidez é excelente, com pouca distorção. As óticas Zuiko são geralmente boas, e a lente ZD ED 50-200 / 2.8-3.5 SWD que testamos é absolutamente excelente.

Quanto ao ruído - talvez os desenvolvedores da Olympus tenham encontrado o nível ideal de redução de ruído (isso é sempre um compromisso, pois qualquer sistema de redução de ruído, junto com a eliminação de ruído, “consome” pequenos detalhes da imagem). Se quiser, você pode alterar este nível, existem quatro opções. O estabilizador embutido funciona não apenas com lentes 4/3, mas outros, incluindo Olympus OM, Nikon F, Pentax K, Leica R, Contax RTS, M42, Exakta, instalados através dos adaptadores apropriados. Você define a distância focal manualmente, o que permite que o cardápio calcule a quantidade de compensação de deslocamento.

Foto em ISO diferente:

ISO100

ISO200

ISO400

ISO800

ISO1600

DEFINIR

Lente, bateria BLM-1, carregador BCM-2, alça de ombro, cabos USB e de vídeo, CD com software, instruções.

CONCLUSÕES

A Olympus E-520 é uma DSLR rica em recursos, flexível e responsiva. Ele não é perfeito, mas é muito bom. É perfeito para iniciantes e amadores avançados, mas, em princípio, não ficaria surpreso em vê-lo nas mãos de um profissional - claro, completo com lentes sérias.

“+” - Corpo leve, remoção de poeira eficaz, estabilizador embutido, muitos programas de cena, boa fotografia contínua, modo Live View avançado, operação de flash sem fio, cartões de memória xD e CF.

"-" - Apenas três pontos AF, nenhum LCD no painel superior, visor pequeno.

ERGONOMIA

Tudo é prático e bem pensado, e para o "máximo" existe apenas um segundo volante de controle, além de um LCD de status.

FUNCIONALIDADE

A funcionalidade não é de ponta, mas é de nível bastante "semi-profissional" - ao preço do inicial.

QUALIDADE DE IMAGENS

Como sempre acontece com as câmeras SLR, a lente tem uma forte influência. O potencial do próprio aparelho é muito alto.

EXEMPLOS DE TIRAS